edição digital

E os Passadiços do Paiva voltam a receber um prémio internacional

04/10/17 ATUALIDADE Imagem

Os Passadiços do Paiva receberam novo reconhecimento internacional. Voltaram a ser considerados o ‘Melhor projeto europeu de desenvolvimento turístico’ nos ‘World Travel Awards’, um dos mais importantes prémios mundiais de turismo

Pelo segundo ano consecutivo, os Passadiços do Paiva arrecadaram um dos ‘World Travel Awards’, considerados os ‘Óscares’ do turismo: ficaram em primeiro lugar na categoria ‘Europe’s Leading Tourism Development Project 2017’ (‘Melhor projeto europeu de desenvolvimento turístico’). A cerimónia decorreu no dia 30 de setembro, em São Petersburgo, na Rússia. Os ‘World Travel Awards’ reconhecem a excelência de projetos turísticos em todo o mundo.
“Os Passadiços do Paiva continuam a ser um destino turístico mundial de excelência, no âmbito do turismo de Natureza. Este prémio é a confirmação disso mesmo. E é também a confirmação da estratégia sustentada que a autarquia e o Arouca Geopark têm vindo a desenvolver em todo o território e um reforçado reconhecimento mundial do trabalho que diariamente é desenvolvido no terreno e no qual o envolvimento dos arouquenses é cada vez mais determinante”, defendeu a vice-presidente da Câmara Municipal de Arouca e vereadora com o pelouro do Turismo.
Margarida Belém disse que “este prémio representa ainda uma responsabilidade acrescida para continuarmos a dar a conhecer e a valorizar os nossos recursos naturais, porque só os conhecendo é que todos os podemos preservar”.
Inaugurados em junho de 2015, os passadiços sobre as escarpas do rio Paiva tornaram-se rapidamente uma atração turística da região, pela sua paisagem natural ao longo das margens do rio e através de áreas até então intocadas. Prolongam-se por oito quilómetros que proporcionam um passeio “intocado”, rodeado de paisagens de beleza ímpar, num autêntico santuário natural, junto a descidas de águas bravas, cristais de quartzo e espécies em extinção na Europa. O percurso estende-se entre as praias fluviais do Areinho e de Espiunca.
Em breve, o percurso trará novidades: uma nova e “assustadoramente bela” ponte pedonal sobre o rio Paiva, na zona da Cascata das Aguieiras, que terá 480 metros de extensão e um piso transparente suspenso a 150 metros de altura. Deverá estar concluída antes de terminado o verão de 2018, informa a autarquia de Arouca.
Os Passadiços do Paiva estão abertos de outubro a março, das 9h às17h e de abril a setembro, entre as 8h e as 20h; em setembro e outubro, das 9h às 18h30. Os bilhetes custam um euro para adultos, jovens entre 12 e 17 anos e seniores acima dos 65 anos. Crianças com menos de 12 anos têm entrada gratuita. Mais informações em http://www.passadicosdopaiva.pt
Os «World Travel Awards» foram criados em 1993, com o objetivo de reconhecer a excelência de projetos turísticos em todo o mundo. O galardão é uma das mais importantes distinções mundiais que podem ser conferidas a projetos do setor do turismo. A votação online decorreu entre 6 de março e 6 de agosto, aberta ao público de todo o mundo. Além do reconhecimento atribuído aos Passadiços do Paiva, os ‘World Travel Awards’ elegeram, pela primeira vez, Portugal como o melhor destino turístico europeu. Nesta cerimónia deste ano, Portugal foi o país que mais prémios recebeu: 37 ‘óscares’, mais 13 do que em 2016.

MUNDO PORTUGUÊS - ASSINE JÁ

Medalha de Mérito das Comunidades


Maior Onda surfada do Mundo


Mundo Português TV


Mundo Português APP





Meteorologia

Marcas Grupo